Hospitais do Futuro e a logística como integradora – UHT Log
Loading 0
UHT Log
Compartilhe

My Blog

Rolar Abaixo

Hospitais do Futuro e a logística como integradora

Hospitais do Futuro e a logística como integradora

As inovações trazidas pela logística 4.0 na saúde podem ajudar na construção do hospital do futuro. As ferramentas tecnológicas são cada vez mais importantes para o sucesso de muitas instituições, afinal, a criação de novas tecnologias é essencial para estruturar e tornar reais projetos que transformarão a administração hospitalar e a vida dos pacientes.

Ainda que sejam tratados como futuro, muitos conceitos já são praticados de maneira bastante funcional. E isso é apenas o começo. A aplicação de inteligência artificial (IA), por exemplo, já vem impactando amplamente a saúde, em diagnósticos e dados, com potencial de desenvolvimento exponencial em poucos anos. A tão falada Internet das Coisas também é outro exemplo claro.

Esses conceitos se fazem essenciais e são utilizados em funções primordiais junto à logística, como no gerenciamento e automação de processos. Na UHT Log, esses passos são devidamente normatizados e regulamentados, garantindo a excelência da nossa missão.

Aqui, usamos tecnologias de última geração para o desenvolvimento de nossos colaboradores, dos processos e da geração dos melhores resultados para os clientes, levando mais segurança para todos os profissionais envolvidos e também para os pacientes.

Otimização da logística hospitalar no hospital do futuro

No hospital do futuro, acredita-se que processos logísticos totalmente integrados podem excluir qualquer tipo de erro humano. Algumas soluções parciais já estão em uso, como a rastreabilidade de insumos e medicamentos. No que se refere ao acesso de produtos, sistemas robotizados aumentam a segurança e eliminam os erros de medicação no momento da administração, bem como desvios dos produtos, como é o caso da solução Beira Leito Mobile, integrada ao UHTlogWF, nosso software proprietário.

A otimização da logística interna, por meio da inovação, precisa estar no topo da lista de prioridades de um hospital. Somente deste modo os custos que envolvem a gestão hospitalar podem ser consideravelmente reduzidos e a segurança garantida. Uma análise da Navigant Consulting, estima que os hospitais poderiam economizar em torno de US$ 11 milhões por instituição anualmente, simplificando e padronizando seus processos de logística.

“Inovar não é comprar tecnologia, nem mesmo implementá-las, é necessária inteligência logística e de dados, é preciso experiência e alto poder de personalização para atender de forma concreta as necessidades do hospital / cliente, fazer a mudança acontecer”, conclui Mayuli Fonseca, especialista da UHT Log.

Continue nos acompanhando. Até a próxima.

01.